O Paraíso está dentro de nós.

Acabei de  colocar meus pés descalços na grama fresca do meu quintal…

Meu jardim aqui em Sampa não tem a magnitude nem o esplendor da natureza de São Chico mas ainda assim eu adoro  estar nele!!

Olhei para o céu e vi lindas estrelinhas  entre uma névoa de poluição que  faz parte do DNA desta  grande metrópole …..

…mas ainda assim, seu brilho me fez sorrir!

Subi para escrever mas antes preparei uma banheira com velas, pétalas de rosa, essência de dama da noite e ainda outras gotinhas de lavanda  e … enquanto a agua resfria , cá estou eu…

Tive um domingo calmo e delicioso, acordei pela manhã, sem despertador.

Ah! como adoro acordar assim… sem  “ter que acordar” !!!

Espreguicei devagar e gostoso… fui até a janela e a abri, ainda sem saber se iria voltar para cama …   quando os raios de sol entraram quentinhos e invadiram nosso quarto… iluminando a cama e me dando um alerta de que o dia estava lindo e me aguardava!!!

Desci as escadas geladinhas e alvas com alegria, o Serginho  havia saído com os cãezinhos, como costuma fazer nos domingos ensolarados de  São Paulo!!! … vai para pracinha dos cachorros e depois para a padaria…

Logo estaria de volta com pães quentinhos, então decidi colocar a mesa do café da manhã na varanda.

Tomamos nosso café tão sem pressa… um deleite!!!! meus movimentos eram deliciosamente lentos que eu podia percebe-los… eu sorria… olhava meu jardim como se fosse a primeira vez.

O  pé de mexiricas estava  lotado!!! e as orquideas??? algumas delas já ensaiavam lindas flores!!

Depois de ler o jornal calmamente, saímos para levar flores ao Centro Budista, pois Rimpoche estará de volta de uma viagem ao Oriente, hoje a noite.

Enquanto o carro corria pela cidade pude perceber a beleza da luz do outono se espalhando por tudo!!!

São Paulo é uma cidade com arquitetura  caoticamente variada que indica a troca permanente de culturas, essa diversidade é  a grande riqueza deste lugar, aqui há uma integração maior, sem guetos como na Europa .

Como toda metrópole no mundo as pessoas tem seu ritmo acelerado mas ainda assim, muitas delas são gentis e param para conversar.

Não gosto do transito por aqui, de jeito nenhum mas é bom ter um pouco de caos, cidades muito organizadas parecem superficiais, sem vida.

São Paulo abraça, acolhe as diferenças… e eu posso criar o meu mundo dentro disto tudo… ouvindo os passarinhos que já moram aqui cantarem, deitar na rede pendurada da varanda para a arvore frondosa do jardim… esfriar meu corpo quente do calor na piscina e ainda tomar banho no chuveirão escondido entre as bananeiras!!

Como disse o Lobão, acho que overdose de beleza natural babaquiza e tira qualquer visão crítica.

Pode parecer desumano e frio mas concordo  que esta overdose de beleza nos tira sim, da realidade, eu, especialmente gosto de ter o caos acontecendo… gosto do após… daquela paz instantânea que a natureza te dá… depois de viver o caos,  que está  próximo da arte, da criatividade, do produzir!!!!

Voltamos para casa direto por que ficamos com pena de deixar o Sathya e o Shanti sózinhos, desistindo assim de um cineminha  ou um programa cultural, afinal, alem deles, agente queria curtir o final da tarde em casa… e ainda conseguimos ver dois filmes geniais,  que pegamos na 2001 , “Um namorado para minha esposa”, argentino e um outro italiano,”Almoço em agosto”.

Para fechar, o Sergio fez um jantarzinho maravilhoso que me inspirou a escrever…

Agora, vou para a  banheira… e finalmente me aconchegar na nossa cama deliciosa que me chama… desesperadamente!!!!!!!

Uma ótima semana para todos nós, de muita produtividade, criatividade , agitação mas com quietude interna…

Com amor e muitas beijocas cheias de paz!!!!!!

Neza

6 comentários em “O Paraíso está dentro de nós.”

  1. Neza, Eu te amo! !!!!!!!!!!!!
    Depois de ler este texto só posso amar uma pessoa assim!! Em especial se ela prefere dar atencão aos filhos-dogs que curtir qq passeio fora, por mais interesante e irrestivel que se apresente!
    Como é bom ver e ler gente do bem! Tenho sede de ser humano instintivamente bom… e me sacio te “conhecendo” aqui. Beijos e mtos beijos, pra ti, teus animais e tua família!

  2. Sou budista e meu Méstre nos da muitas orientações sobre a nóssa existencia, lendo suas mensagens me indentifiquei muito,um grande abraço

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>